domingo, 7 de março de 2010

Se for possivel assim.





Eu não aguento mais.
Sofrer tanto com meu pensamento inválido.
Pra que pensar em não querer
Se eu te quero.
Quero pensar em morrer
Pra tirar a dor enfim.
Deixe,é o fim então
Dessa solidão.
Invalidez?
Talvez
Desse coração
Partido
Oprimido
Banido
Do teu coração
Bandido
Me roubou da paz
Não me quer mais.
Mas,estou aqui.
A espera de ti.
Ou a espera da morte.
Ou a espera da vida.
Bandida.
Que rouba-me um pouco de mim
A cada partida
Mal sucedida.
Quero de volta.
Traga - me de volta um pouco da paz
Um pouco do amor.
E deixe a dor,
Essa dor que me assola
Bem longe de mim.
Por mim.
Se for possível assim.

( Anna Karla Veloso Silva.)

4 comentários:

  1. Lindo o poema...
    gostei de cada parte dele,
    *----------* de verdade! (L)

    ResponderExcluir
  2. Linda mensagem! A tempos que apareço por aqui :)

    Estou seguindo o seu Blog. Segue o meu tbm? Beijos!!!

    ResponderExcluir
  3. Amigs tá lindoo o que tu escreveu *___*
    by: honny.

    ResponderExcluir